sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Ai, ai, ai...




  • O aumento de energia da gestão dos lobos vem aí. Afinal os gastos com a geração de energia das termo-elétrica são maiores que os das hidro, ou das eólicas... Seria justo você comer peixe frito e pagar como se tivesse comido lagosta?... por quê não se repassam os aumentos para quem consome as energias mais caras?


  • As construtoras estão de olho na classe pobre, criando financiamentos quilométricos, a preços possíveis e taxas fixas... é uma nova categoria de consumidores que abre os olhos dos financistas!


  • Trabalho com soropositivos de HIV há alguns anos. Conheço muitas mulheres e homens que depois de se saberem soropositivos quiseram e engravidaram e deram à luz crianças saudáveis, muitas nasceram soronegativas e outras tantas com pouquíssimas possibilidades de desenvolverem a SIDA, um pequeno número de crianças filhas de casais soropositivos que fazem o tratamento de controle de carga viral nasceram com a doença. Todas as mães que se orientaram com seus médicos antes de engravidarem e tiveram rigoroso pré-natal e cuidado com o parto, tiveram filhos soronegativos. O caso que a mídia tem mostrado ultimamente, da menina que nasceu soropositiva e deu à luz nesta semana a uma criança saudável, não é caso raro nem exceção à regra. Hoje a OMS considera a diabete mellitus e a hipertensão como doença mais graves que a AIDS


  • Os motociclistas de São Paulo estão em polvorosa pelas medidas do governo limitando acessos às motocicletas e à punição. Em todo lugar do mundo, quando a violência se torna muito grande as autoridades intensificam ações anti-violência e não se procura punir cidadãos comuns que normalmente são vítimas e reféns da violência - deve-se pensar melhor o que deve ser feito


  • José Gomes Temporão, Ministro da Saúde, numa atitude no mínimo questionável atribui a culpa e responsabilidade pelo contágio da febre amarela às próprias vítimas, porque não se vacinaram. E diz que sabe que ainda haverão mortes pela doença.

http://www.chargeonline.com.br (Clayton - O POVO - CE)

6 comentários:

Débora disse...

Olá,Rui
Gosto dessas suas notas .Aprendo sempre com elas.E concordo sempre.
Vejamos:
-Também estou preocupada em pagar por aquilo que não consumi!
-Tomara que as construtoras me enxerguem,pois até agora não tenho um imóvel só meu..rs
-Creio que uma Mulher soro positivo não deveria nem pensar em ter filhos...sei lá...para mim é uma roleta russa!
-Nossa..ando com medo sobre essa implicância com as motos.As lei devem existir,mas é preciso cuidado..Até porque é meu único meio de transporte.
-Quanto à declaração do ministro não é de se estranhar;afinal,o povo sempre é culpado.Talvez,porém seja por ter colocado alguns governantes lá..Mas,neste "senhor' eu não votei...nem eu nem ninguém..
grande beijo

Van disse...

Oiê!
Vim te ler, querido!
Ainda doendo, mas vim!
Beijucas.

Nil Brito disse...

Oi, Rui,

Além de curtir suas notas, passei para lhe agradecer os "densos e intensos" comentários no meu blog. Esteja à vontade para usar e abusar do que quiser. O que criamos, ou inspiramos, não é nosso. Está livre, circulando pelo universo. Apenas canalizamos e sopramos... Respeito quem faz, mas acho uma certa arrogância dizer que tal ou qual texto "está protegido pela lei de direitos autorais". Pois eu quero que todos os meus textos sejam copiados, violados, transformados, digeridos, transmitidos, gritados ou sussurados. Pois isso significa que eles atenderam ao que eu realmente queria: FORAM LIDOS! E devem ter agradado.


Uma boa semana e abs do Nil

Amigao disse...

Amigão
Vim retribuir o comentário.Não a visita, porque visitar eu venho quase todos os dias, certo?
Já devidamente informado deixo aqui os votos de um bom domingo e um abração do amigão.

A gente percebe que o povo ainda precisa de muita informação mesmo.
Como diz lá: "O meu povo perece por falta de conhecimento".

Vênus disse...

Oi,querido
Morrendo de rir do quadrinho e aprendendo com as notas..


Saudades de vc...de suas visitas...de seus comentários carinhosos!
grande beijo

Marcos disse...

Os caras já criaram as tarifas populares. através dela o cidadão classe média paga pelo consumo dos pobres. Aliás, a classe média está crescendo só que para isso, ela está acabando com a classe E e diminuindo a D com seu dinheirinho, fazendo e pagando pelas ações que caberiam aos governos fazerem.