segunda-feira, 7 de abril de 2008

Safira fala de manias que extrapolam o usual


Quem nunca teve a sensação que estava fazendo algo fora do normal? Comer mais sorvete que deveria, mais chocolate que cabia, beijar mais do que esperavam que você beijasse, correr mais que o permitido, xingar mais que o aconselhável, fumar mais que sugerível, beber mais que o aceitável, e rir mais que o momemto permita?

Cuide-se, pois todo excesso é prejudicial. Quando seus usos estão fora do limite, do dever, do usual, do permitido, do legal e do aceitável, provavelmente está chegando uma compulsão, ou um vício... cuide-se para que nada te domine, nada que você realmente não queira que te domine.


Quem nunca teve crise de risos? Rir durante uma cerimônia de casamento, durante um assunto sério como o namorado, ou num momento solene podem parecer descortesia, mas muitas vezes é simplesmente incontrolável... aí minha amiga, e meus amigos, só cabe você olhar pro lado, tentar retirar-se, e quando alguém olhar pra você com aqueles olhos de acusação, sorria e diga:

- Deu bobol!!

3 comentários:

tita coelho disse...

Bom, no velório do meu avô tive um ataque de riso, do nada coisa de gente maluca. Evito ir a velórios, descobri que não consigo ver muita gente chorando que começo a rir de nervosa! :)
beijos

Vênus disse...

Oi,querido
Já fiz tudo isso....e depois me senti uma anta louca...mas,coisa boa é extrapolar os limites,não é mesmo?
Obrigada pelos votos de boas idas e boas vindas...já me estabeleci e começo a descansar..ufa!E o Ceará que me aguarde um dia...rs
beijos

Amigao disse...

Eu faço tudo isto, dou risada na hora errada. beijo mais que deveria, BEBO MAIS QUE DEVERIA, xingar, eu só xingo na zueira, se tiver nervoso não xingo não. Correr mais que deveria? Putz ninguém é de ferro.

Abração Amigão