segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Novela das Segundas-feiras - Capítulo 4

Ao escutar aqueles ruídos tão familiares a qualquer adulto, Solépatra dá uma breve espiada pela porta da cozinha e constata o que temia: Alejandríssimo e Sofismática eram amantes... num tórrido momento de paixão, o jardineiro estava por trás da cozinheira, que debruçada sobre o fogão gemia qualquer coisa dizendo pra ele comer o seu prato preferido... Sorrateiramente, sem denotar sua chegada, Solépatra sobe ao seu quarto, abre o armário secreto, liga os monitores do circuito interno de televisão e assiste com admiração aquela cena nada sacra... Uma, duas, três... essa cozinheira é insaciável!!!! Uma, duas... esse jardineiro é um tigre feroz!!! Com ciúmes incontroláveis, Solépatra começa a"fumar numa quenga" (termo tipicamente nordestino, que significa ficou furiosamente incontrolável)!!! Como pode isso!!!?? Como estas coisas acontecem comigo!!!?? Com nítidos ciúmes, Solépatra começa a maquinar vingança! Mas qual o motivo de seus ciúmes? QUERIDOS LEITORES, SERIA MUITO INTERESSANTE SE VOCÊS VOTASSEM AÍ AO LADO OS MOTIVOS DE CIÚMES DE SOLÉPATRA, MAS TEMOS QUE DEFINIR DUAS COISAS NESTE CAPÍTULO:

2 comentários:

Mari disse...

Oi,querido amigo

Êitaaa novelinha safadinha..rsrsr
Adorooo!
Já vou votar!

bjs

BRUNO LEONARDO disse...

Tinha certeza que essa Solépatra gosta de colocar as aranhas para brigarem..kkkkk
Vamos ver...rs

abraço